Imposto da solidariedade

Realmente a Finlândia é um país diferente.

Vejam algumas atitudes bem diferentes:

O premiê finlandês Juha Sipila, afirmou no começo do mês que vai colocar sua casa no norte do país à disposição dos refugiados.

Sipilla –ex-executivo de telecomunicações– disse que aqueles que estiverem procurando asilo podem ficar na sua casa, em Kempele, a partir do início de 2016.

“Devemos todos olhar no espelho e nos perguntar como podemos ajudar”, disse, em entrevista à emissora nacional YLE.

O líder do Banco da Finlândia, Erkki Liikanen, afirmou que vai doar um mês de seu salário à Cruz Vermelha finlandesa.

“Sei que este dinheiro vai chegar a quem mais necessita. Cada um faz o que sente que deve fazer dentro das suas possibilidades”, escreveu ele em sua página do Facebook.

 

http://www.brasilpost.com.br/2015/09/16/finlandia-refugiados_n_8147800.html?utm_hp_ref=brazil

2016-05-05T22:49:26+00:00

Leave A Comment